Série B

Um novo Brasil de 3 a 0 sobre o Vila Nova

Os gols foram marcados por Lincom (2) e Rafinha

17 de Junho de 2017 - 21h27 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Lincom marca duas vezes; o quarto gol na Série B do Brasileirão (Foto: Flávio Neves - DP)

Lincom marca duas vezes; o quarto gol na Série B do Brasileirão (Foto: Flávio Neves - DP)

Rafinha deixa sua marca com cobrança de falta perfeita aos 45 do segundo tempo (Foto: Flávio Neves - DP)

Rafinha deixa sua marca com cobrança de falta perfeita aos 45 do segundo tempo (Foto: Flávio Neves - DP)

Sim. Um novo Brasil que respira aliviado após uma partida de tirar o fôlego do torcedor que acompanhou a intensidade do jogo em que o time de Rogério Zimmermann venceu o Vila Nova por 3 a 0. Rafinha, Lincom e Itaqui tiveram fundamental importância na vitória que coloca o Rubro-Negro na 12ª colocação na tabela do Brasileirão Série B, com 11 pontos ganhos. A recuperação em casa e diante dos xavantes, pode garantir um incentivo a mais para encarar o Juventude, na terça-feira (20).

Primeiro tempo
O Brasil começou a partida com mais posse de bola, intensidade e boa troca de passes. As mudanças no meio de campo, devido as suspensões de Leandro Leite, Wagner e Marlon, deram um novo ritmo ao time. Mas com a pressão pela vitória, a equipe partiu para cima do Vila Nova e acabou pecando nas finalizações. As jogadas individuais com Rafinha e a marcação mesclada acordaram a torcida que voltou a empurrar o time.

Do outro lado, o Vila Nova tentava administrar o placar. Chegou à meta do goleiro Martini, mas não ofereceu muito perigo. Com essa tática, o time Rubro-Negro teve mais chances de roubar a bola, pela pressão de Itaqui e Breno. Em uma delas resultou na jogada, que até então parecia truncada, mas que acabou com o chute cruzado de Lincom, abrindo o placar no Bento Freitas aos 42 minutos. O jogo intenso, no entanto, não foi positivo para Elias que sentiu e teve que ser substituído por Marcinho.

Segundo tempo
Depois da expulsão de Maguinho, camisa 2 do Vila Nova, o Brasil soube aproveitar o espaço e com uma marcação mesclada, dominou praticamente todo o segundo tempo. O adversário chegou duas vezes à meta de Martini, sendo a primeira, somente aos 23 minutos do segundo tempo.

Três minutos depois, Lincom, depois de receber um belo passe de Evaldo, chutou de cobertura sobre Wendell e ampliou o placar, aos 26 minutos. A partir de então, o Rubro-Negro passou a administrar a partida, mas chegou com perigo ao ataque.

Aos 45 minutos, quando a torcida ainda comemorava os 2 a 0, Rafinha marcou o terceiro gol. O camisa 10, que passou o jogo inteiro brigando pela bola, cobrou falta com perfeição e mandou a bola para o fundo da rede.

O Brasil agora vai para a 9ª rodada do Brasileirão da Série B contra o Juventude, que lidera a competição com 18 pontos. O jogo está marcado para terça-feira (20), às 19h15min, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

Ficha técnica

Brasil x Vila Nova (GO)

Brasil - Eduardo Martini; Wender, Leandro Camilo, Evaldo e Breno; Itaqui, João Afonso, Bruno Lopes (Nem), Rafinha e Elias (Marcinho); Lincom. Técnico: Rogério Zimmermann.

Vila Nova - Wendell; Maguinho, Bruno Prado, Wesley Matos e Gastón; PH, Geovane, Alan Mineiro (Fernando) e Alípio; Mateus, Anderson (Jajá) e Marcos Paulo (Fernando). Técnico: Hemerson Maria.

Árbitro - Rodrigo Batista Raposo, José Raimundo e Leila Naiara

Local - estádio Bento Freitas, às 19h

Notícias relacionadas


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados