Corrupção

Em depoimento, Lúcio Funaro admite que Temer sabia de caixa 2

Doleiro depôs por mais de quatro horas na Polícia Federal na quarta-feira

16 de Junho de 2017 - 08h57 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

O depoimento do doleiro Lúcio Funaro à Polícia Federal na quarta-feira (15) pode complicar a defesa do presidente Michel Temer. Além de reconhecer que operou caixa 2 para o PMDB, Funaro disse ainda que o chefe do Executivo sabia das operações ilícitas.

As informações são do Jornal O Globo, por meio de uma fonte que teve acesso ao interrogatório. Na matéria consta ainda que não se sabe o grau de conhecimento de Temer sobre as doações. Em nota, a assessoria do presidente negou.

No depoimento, que durou quatro horas, o doleiro falou ainda de como funcionava as nomeações de cargos públicos articuladas pelo PMDB e associadas a desvios de recursos. Segundo O Globo, Funaro está preso a quase um e já contratou um advogado especialista em delação premiada.

Aguarde mais informações


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados